20.9 C
Ijuí
quarta-feira, julho 24, 2024

Ijuí segue como maior economia da região

O município de Ijuí é a maior economia da região Noroeste do Rio Grande do Sul. O resultado do Produto Bruto Interno (PIB) dos municípios gaúchos foi divulgado ontem e é referente ao ano de 2020. O material elaborado pelo Departamento de Economia e Estatística, vinculado à Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (DEE/SPGG), em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que a Capital Internacional das Etnias se manteve pelo segundo ano consecutivo na 18º posição no ranking geral do Estado, que corresponde a 0,93% do PIB estadual em 2020. No período, o PIB de Ijuí foi de R$ 4.3 bilhões, aumento de 0,8 ponto percentual na comparação com 2019, quando correspondia a R$ 0,85% do PIB (R$ 4,08 bilhões).

Entres os maiores municípios da região, Cruz Alta ficou em segundo lugar, mas caiu da 21º posição em 2019, para 24º colocação em 2020, e representa 0,73% da economia estadual, com PIB estimado em R$ 3,4 bilhões. Santa Rosa se manteve na mesma posição, na 28º colocação, com PIB de R$ 3,1 bilhões. Já Santo Ângelo caiu da 33º para 34º posição, com PIB de R$ 2,7 bilhões.

Santa Cruz do Sul foi a cidade que mais avançou no ranking das 10 maiores economias do Rio Grande do Sul na lista de 2020. A cidade do Vale do Rio Pardo terminou o ano com um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 10,49 bilhões, 2,2% do total do RS, o que a levou à quinta colocação no Estado, três posições acima da lista de 2019. Além de Santa Cruz do Sul, Passo Fundo (do 7º para o 6º lugar) e Pelotas (do 10º para o 9º) também ganharam postos no topo do ranking estadual no primeiro ano da pandemia da covid-19.

Em 2020, Porto Alegre, Caxias do Sul, Canoas, Gravataí, Santa Cruz do Sul, Passo Fundo, Rio Grande, São Leopoldo, Pelotas e Novo Hamburgo ocuparam, nesta ordem, o ranking das 10 maiores economias do RS. Na comparação com o ano anterior, as cidades permaneceram as mesmas, apenas com alteração em algumas posições.

“A lista das 10 maiores economias municipais do Estado tem se mantida praticamente estável ao longo dos últimos anos. Ao lado dos 10 municípios listados em 2020, apenas Triunfo, em alguns anos, se juntou aos demais no ranking. São municípios com economias consolidadas e pujantes, alicerçadas, fundamentalmente, nos serviços e, principalmente nos casos de Caxias do Sul, Canoas, Gravataí, Santa Cruz do Sul, Rio Grande, São Leopoldo e Novo Hamburgo, também na indústria de transformação”, destaca o economista Martinho Lazzari, da Divisão de Análise Econômica do DEE.

*A notícia completa está na versão impressa do Jornal da Manhã.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Últimas NOTÍCIAS