16.3 C
Ijuí
quarta-feira, abril 17, 2024

CAOS


A descrição do caos dentro do governo feita por Camarotti na GloboNews, só confirma o que alguns se recusam a acreditar porque estão completamente dominados pelo desespero e reagem a qualquer notícia negativa para confirmar esse seu sentimento. Camarotti não é um crítico do governo, mas um repórter com fontes em Brasília e cuja evidente indignação parece ser um sentimento de quem achava que o governo seria muito diferente do que está sendo e que não acreditava que a situação pudesse desandar tão rápido por causa de Lula. Mas quem achou que Lula seria diferente não é só ingênuo, mas escolheu ser enganado, pois antes e durante a campanha eleitoral ele foi muito claro em relação à sua conduta na presidência e como seria o seu governo.

ANACRÔNICO
Lula e o PT acham que o Brasil de hoje é o mesmo de 2002, e que, por isso, teriam vida fácil e conseguiriam fazer tudo o que quisessem. Embora o governo já tenha começado a produzir estragos naquilo que não precisa de apoio da sociedade ou do Congresso, e o cenário político seja sombrio também pela inadmissível atuação política do STF, a situação poderia ser muito pior se não houvesse oposição dentro da sociedade e certa oposição dentro do Congresso.

BENEDITO
Para entender o voto do corregedor-geral da Justiça Eleitoral, que resultou na perda do mandato de Dallagnol, é preciso reconstituir uma história. Em 2008, Benedito foi indicado por Lula para ser ministro do STJ; Em 2015, era o mais cotado para ser indicado por Dilma para o STF; Naquele ano, porém, a VEJA mostrou a relação de “ajuda” entre Benedito e o presidente da empreiteira OAS, um dos protagonistas do petrolão; Depois, o ministro decidiu uma ação a favor da OAS, que, no ano anterior, contratou um cartório onde trabalhava o filho de Benedito. Em agosto de 2022, viralizou um vídeo no qual Benedito e Lula trocavam afagos e o ministro prometeu que depois ligaria. Em setembro, como corregedor-geral, Benedito atendeu pedido do PT e proibiu Bolsonaro de usar imagens da cerimônia do 7 de setembro. Em dezembro de 2022, outro vídeo: Benedito dizendo para Moraes que missão dada era missão cumprida. O voto contra Dallagnol não parece ser só vingança contra um nome da Lava Jato, mas, talvez, ser parte da estratégia para mostrar serviço e ser indicado por Lula para o STF, desbancando favoritos como o ex-advogado de Lula, Cristiano Zanin. Será que Benedito conseguirá? (adaptado de Bruno Garschagen)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Últimas NOTÍCIAS