16.6 C
Ijuí
sexta-feira, setembro 30, 2022

Cuidado com o mofo

Morangos frescos, mirtilos e amoras. É comum descobrir que uma penugem cinza ou branca tomou conta de algumas bagas, levando muitos a se perguntarem: é seguro comer as outras.

Especialistas em segurança alimentar dizem que, embora você não deva comer frutas obviamente mofadas, aquelas sem sinais visíveis de esporos são boas para consumo. E, felizmente, ao contrário de outras preocupações de segurança alimentar que podem ser invisíveis a olho nu, é fácil detectar o mofo nas frutinhas.

Se a embalagem estiver manchada por uma ou duas bagas mofadas, não jogue tudo fora. Em vez disso, descarte as mofadas e examine cuidadosamente as vizinhas em busca de penugem, que geralmente aparece em torno de uma contusão ou no local de fixação do caule. As demais é bom comer logo, porque esporos de mofo remanescentes podem se espalhar e desenvolver mais penugem em um ou dois dias.

Os mofos ou bolores são um tipo de fungos que, vistos ao microscópio, muitas vezes “parecem cogumelos magros”, de acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Eles criam raízes filiformes que invadem o interior do alimento e pequenos talos cobertos de esporos na superfície. Certos tipos de fungos produzem toxinas que podem ser prejudiciais se ingeridas e, em algumas pessoas, podem provocar reações alérgicas.

A boa notícia é que os fungos comumente encontrados na verdade não são conhecidos por produzir toxinas, como alguns outros, e por isso há menos risco. Alimentos que geram fungos mais perigosos incluem nozes, grãos e maçãs.

O bolor é um inimigo comum dos produtores e comerciantes de frutas, por isso não é surpreendente encontrá-lo em sua caixa de bagas. Os esporos de mofo são onipresentes no ambiente. Eles podem ser transportados pelo ar ou pela água e vivem no solo dos campos agrícolas.

Embora isso geralmente não seja um problema com as bagas por causa de sua forma, tamanho pequeno e tipos de bolores que crescem nelas, é uma preocupação maior com alimentos maiores que são úmidos ou têm textura macia ou porosa, como sobras de carne ou refogados, compotas e geleias, queijos macios e pães. Se houver bolor na superfície desses alimentos, você deve presumir que eles estão contaminados e jogá-los fora, de acordo com o Departamento de Agricultura dos EUA.

Antes de comprar, inspecione com cuidado e evite comprar se tiverem sinais de mofo. Em casa, faça outra verificação rápida e retire qualquer fruta que esteja visivelmente embolorada. Em seguida, refrigere as demais o mais rapidamente possível. Não lave as frutas até o momento em que as pretende comer ou cozinhar, porque a umidade estimula o crescimento de mofo.

Os esporos podem se estabelecer e sobreviver nas superfícies, por isso é uma boa ideia limpar sua geladeira regularmente para quebrar o ciclo de esporos de mofo.

O Departamento de Agricultura recomenda limpar o interior da geladeira com uma colher de sopa de bicarbonato de sódio dissolvido em um litro de água a cada poucos meses. E se você descobrir alimentos que estão extremamente mofados na geladeira é bom limpá-la imediatamente, para evitar que esporos se espalhem para outros alimentos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Últimas notícias

INTERNACIONAL

DEMISSÃO

DIVULGAÇÃO