11.3 C
Ijuí
quarta-feira, outubro 5, 2022

Passeio aberto no Assis Brasil é risco a pedestres

No bairro Assis Brasil, ao lado do Ginásio de Esportes Wilson Mânica, há tempos a comunidade tem reclamado do problema estrutural do local onde, anteriormente, existia uma muro que dividia o ginásio do passeio. O muro foi retirado, pois foi construido torto, mas o espaço aberto também representa um risco aos moradores, principalmente na parte da noite e em períodos de entrada e saída escolar, devido à proximidade do Instituto Municipal de Ensino Assis Brasil (Imeab).

A reportagem do JM esteve no local e conversou com o presidente do Assis Brasil, Eliseu Barcellos, que já tem demandado a resolução do problema há anos. Ele explica que, desde a antiga gestão municipal, o pedido para a construção de um muro é feito. Foi iniciada a obra mas, devido irregularidades, teve que ser derrubada.

“Com a chuva e a retirada de um pedaço de muro que restava a terra está solta. A nossa preocupação aumenta com isso, pois há um fluxo enorme de crianças que passam por aqui”, declara o líder comunitário.

Além do fluxo relativo ao Imeab, outra preocupação do presidente é quanto aos diversos eventos que acontecem no Ginásio de Esportes, que reúnem uma grande quantidade de pessoas.

A diretoria já está cobrando uma solução junto ao Executivo municipal, mas, até o momento, nada foi feito. Segundo o presidente do bairro, além do Executivo, a Secretaria de Planejamento e Regulação Urbana (Seplan) e a Coordenadoria Municipal de Compras (Copam) estão informados da demanda do bairro. “Caso aconteça algo mais grave, eles estão sabendo e nós estamos cobrando essa questão.”

Embora seja feita a sinalização no local, ao tirar a comunidade do passeio público, ela vai para a rua, onde é mais perigoso, devido ao grande fluxo de veículos na Avenida Getúlio Vargas. Por isso, os moradores pedem medidas mais efetivas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Últimas notícias