16.6 C
Ijuí
sexta-feira, setembro 30, 2022

Fisioterapia reabilita pacientes no HCI

Importante no desenvolvimento e reabilitação das integridades de cada paciente, auxiliando na promoção do funcionamento dos órgãos e sistemas do organismo humano, o Serviço de Fisioterapia do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI), que conta com 34 profissionais, se destaca por contar com um trabalho humanizado. Para isso, conta com ajuda da comunidade que, por meio de doações, contribui com equipamentos usados na reabilitação física dos pacientes.

Nesta semana, foram entregues à Instituição pelo Lions Clube de Catuípe, dois ciclos ergômetros, dois pares de caneleiras, um kit miniband e quatro halteres. Antes disso, já haviam sido doados dois jus bands, pelo grupo Sanduba do Bem, e cinco bolas e cinco bolinhas pelo movimento Regnum Christi. Todos utilizados na clínica oncológica.

Coordenadora do Serviço de Fisioterapia do HCI, Pollyana Windmoller explica que a prática de exercícios físicos, além de segura durante o tratamento, também contribui com a melhora no desempenho físico do paciente. Na outra ponta, o repouso em excesso pode resultar em perda funcional, atrofia muscular e redução da amplitude dos movimentos.

“A fisioterapia na oncologia atua na prevenção de sequelas, na restauração física e na promoção da qualidade de vida. Exercícios físicos, alongamentos, eletroterapia, terapia manual, exercícios respiratórios, técnicas para redução da dor são alguns procedimentos e técnicas adotadas na conduta fisioterapêutica”, comenta.

Agora, a busca é voltada à Unidade de Hemodiálise, em que a fisioterapia também é fundamental na reabilitação dos pacientes, fazendo a diferença nas atividades de rotina de cada um. Nessa semana, enquanto realizava atividades, Pollyana recebeu um emocionante depoimento de um dos pacientes. “Ele chorou de emoção, porque contou que depois que iniciou com os exercícios, está conseguindo caminhar em casa”, relata. “Pacientes dialisados apresentam alterações físicas devido às restrições impostas pela doença renal. A fisioterapia pode contribuir especialmente através de exercícios resistidos, aeróbicos e de flexibilidade para a melhora do desempenho físico nas atividades de vida diária. A redução das cãibras, melhora da força muscular e da marcha, melhor qualidade de vida são alguns dos benefícios obtidos e relatados pelos pacientes com doença renal crônica.”

Somente no mês de julho, foram 930 atendimentos em fisioterapia na Hemodiálise; na Oncologia, foram 11 atendimentos em média/dia.

Para contribuir com a estruturação deste acesso, essencial à recuperação dos pacientes, basta entrar em contato com a Fisioterapia do HCI, pelo número 3331.9300, ramal 9608, ou pelo whatsapp 55 08179 0045, no setor de Relacionamento Institucional.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Últimas notícias

INTERNACIONAL

DEMISSÃO

DIVULGAÇÃO